A alma é um cenário.
Por vezes, ela é como uma manhã brilhante e fresca,
inundada de alegria.
Por vezes ela é como um pôr do sol...
triste e nostálgico.

-Rubem Alves-

Seja bem-vindo. Hoje é
Deixe seu comentário, será muito bem-vindo, os poetas agradecem.

sábado, 30 de junho de 2007

SÓ ,SEM A TRISTEZA



BOM DIA,
Tristeza!
Direi eu,
Amante das musas,
Nestes dias outonais,
Dias de inquietude e tédio,
Quando nossos corações
Sentem a tua presença...

BOA TARDE,
Tristeza!
Eis o meu melacólico comprimento,
De quem padece em tua companhia,
De quem vive desiludido
Neste mundo triste e sofredor,
Ignora a minha existência
E deixa de me ferir
Sem um motivo sequer...

BOA NOITE tristeza! Vou-me embora.
Não me sigas,
Pelo amor de Deus
Prefiro ficar só,
Indiscutivelmente,
Só,
Enamorado eterno
Da música e do amor...

Vai
Tristeza!
Segue teu caminho
E eu seguirei o meu,
Embora sem rumo
Fugindo da tua companhia...

Olympiades Guimarães Corrêa
Em Neblina do Tempo 1.996

Um comentário:

GEUZA MARIAH disse...

QUE DELICIA DE BLOG!
LAVEI A ALMA ENAMORADA BJS