A alma é um cenário.
Por vezes, ela é como uma manhã brilhante e fresca,
inundada de alegria.
Por vezes ela é como um pôr do sol...
triste e nostálgico.

-Rubem Alves-

Seja bem-vindo. Hoje é
Deixe seu comentário, será muito bem-vindo, os poetas agradecem.

sexta-feira, 31 de julho de 2009

O espelho



Quem olha, quem imagina,
São duas metades uma
Por detrás da pele fina.
Só que a pele dos espelhos
Em matéria de retina,
Despida a pessoalidade,
Enxerga o que se lhe ensina.

José Jeremias

3 comentários:

Úrsula Avner disse...

Belos e profundos versos que encantam quem os lê ! Amo (re) pousar aqui. Bjs.

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

A amizade é assim:
É sentir o carinho,
É ouvir o chamado.
É saber o momento
de ficar calado.
Amizade é somar
alegrias, dividir tristeza.
É respeitar o espaço,
silenciar o segredo.
È a certeza
da mão estentida.
A cumplicidade que
não se explica,
Apenas vive!

¨Olavio Roberto¨
Desejo um lindo final de semana
Abraços

María Lasalete Marques disse...

Lindo de mais, uma realidade, esa imagen no espelho de aguas cristalinas, Donde o ifinito azul do céu, num instante permanece nas nossas costas. Mostrando-nos uma realidade inmensa.
Obrigado por ese belo escrito.